09 dezembro 2013

I Love @ 09-12-2013

A fotografia de Alain Laboile é franca, simples, ingénua e natural. O fotógrafo, a sua esposa e os seus seis filhos vivem uma vida simples no campo: sem televisão, confortos desnecessários, ideologia, filosofia ou religião. Vivem num vasto terreno abraçado por um riacho, uma pequena floresta de bambú e uma piscina natural. Quase sem se aperceber, Alain deu início a um diário fotográfico em que acompanha a vida dos seus filhos. De tão presente, a sua câmara tornou-se invisível, permitindo uma captura honesta do seu ambiente familiar. "Limito-me a olhar. As crianças são criativas, só precisas de esperar que as coisas aconteçam diante da tua câmara e clicar.", confessou Alain em entrevista ao P3, via "email". Alain é um apaixonado da "street photography". Há quem apelide a sua fotografia de "street family", interpretando que o fotógrafo faz da sua família a sua rua. Alain é escultor em ferro e é com essa actividade que sustenta a sua família. Lançou recentemente um livro intitulado "En attendant le facteur", em que compila cerca de 80 fotografias dos últimos seis anos.






Sem comentários:

Enviar um comentário