24 abril 2012

Artistas Portugueses: Sarah Afonso

Mais uma personagem que nunca tinha ouvido falar... Sarah Afonso.

Nasceu em Lisboa, mas mudou-se aos 5 anos com a família para Viana do Castelo. A vivência nesta cidade minhota influenciou a sua obra, onde se destacam a paisagem e episódios do quotidiano popular. Formou-se em Pintura na EBAL, onde foi aluna de Columbano Bordalo Pinheiro. Nos anos 20 estudou em Paris, tendo participado no Salon d’Automne (1928). De regresso a Lisboa, contra todas as convenções, torna-se a primeira mulher a frequentar o café A Brasileira, do Chiado, então exclusivamente reservado ao sexo masculino. Contemporânea de Bernardo MarquesCarlos Botelho, entre outros, expôs no primeiro Salão de Artistas Independentes em 1930. Casou-se com Almada Negreiros em 1934, celebrando a vida familiar em algumas pinturas. No entanto, após o casamento quase abdicou da vida artística, reduzida à prática da ilustração e do bordado. A sua pintura de juventude foi elogiada por José Régio, nomeadamente a exposta no I Salão dos Independentes, em 1930. 
Fez uma exposição individual em1939 e participou na Exposição do Mundo Português, em 1940. Em 1944 recebeu o Prémio Amadeo de Souza-Cardoso. Em 1953 integrou a delegação portuguesa na Bienal de São Paulo. Dedicou especial atenção às festas populares e às tradições portuguesas em cores doces e luminosas. Por ocasião do centenário do seu nascimento, em 1999, realizaram-se exposições comemorativas em Viana do Castelo e Porto.
Os seus valores mais originais são uma curiosa mistura entre o ingenuísmo das artes populares e a sua apropriação feminista, intencionalmente antiacadémica e antierudita.

Texto editado de wikipedia


Retrato de Matilde


Menina Sentada

Auto Retrato


As meninas

Retrato de Tagarro e Waldemar da Costa


Sem comentários:

Enviar um comentário